Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘music’ Category

 

Uma noite mal dormida e uma ressaca não seriam bons presságios para uma segunda-feira de manhã. Mas eu tinha uma degustação de Brunello di Montalcino no Restaurante Cantaloup prevista e isto animaria qualquer mortal que gostasse de vinhos. Seriam dois flights de 11 vinhos cada. Rosso  e Brunello. Coisa séria. Degustação feita, explanações, colegas de alto nível, serviço impecável, opiniões divergentes, alguns amando e outros decepcionados.

Safras de 2011 dos Brunello. Um ano não tão perfeito. Bem, todos tinham um pouco de razão. Alguns exemplares deixaram a desejar. Infanticídios foram cometidos. Mas não se pode negar que também havia uma ou outra joia. O principal é notar uma mudança no perfil dos vinhos da região. Buscam ser consumidos mais cedo. Estar mais prontos. Nem sempre acertam. Alguns ficam no meio do caminho em busca de um perfil novomundista que o novo mundo anda abandonando. Mas todos trazem a coloração translúcida bem clara, aromas frutados, paladar com boa acidez e taninos cheios de personalidade. Boas expressões do clone da Sangiovese da região. A maioria dos vinhos não está no mercado brasileiro, ao menos não esta safra.

De lá fui experimentar as novidades da Vinícola Aurora, no Figueira Rubayat. E que alegria ver a constante evolução do vinho brasileiro. O lançamento mais destacado é espumante brut feito com método tradicional que passa 24 meses em contato com as leveduras. Insisto que este tipo de vinho é a vocação do Brasil. Espumante de alta qualidade com preço bem competitivo. A linha Pequenas Partilhas traz um cabernet franc e um tannat de se beber cheio de certezas no potencial do vinho brasileiro!

Mas o melhor do dia foi a noite. Para quem gosta de jazz, ou melhor, de free jazz, não poderia haver lugar mais certo para se estar do que no Jazz B, no centro de São Paulo. O quarteto do saxofonista Thiago França simplesmente inebriou, com a ajuda de uns goles de cerveja IPA artesanal, a plateia.

Formado por Thiago no sax alto, tenor e flauta, Amilcar Rodrigues no flugel e trompete, Marcelo Cabral no baixo acústico e Mariá Portugal na bateria, o quarteto fez dois sets com um intervalo de meia hora. Música fluindo do jeito que eu gosto. Todos se ouvindo e interagindo. Deu vontade de estar lá tocando junto. Esperando a deixa.

Preparem-se. Tenho de avisar ao mundo que Mariá Portugal, do Quarta B, está pegando o gosto pelo freejazz! E sai de baixo. Vejo shows de jazz há uns quarenta anos. Mariá é provavelmente a baterista mais criativa, espontânea e original que já vi. Seu sorriso contagiante, sua energia, humildade e simpatia são bônus.

A inventividade, o fluxo de ideias musicais, a precisão, o repertório, a entrega são cativantes. Um show à parte. Sei que vou me arrepender de ficar escrevendo assim, pois vai ficar cada vez mais difícil contar com a requisitadíssima Mariá para os meus projetos, mas que posso fazer? Que segunda-feira inesquecível.

 

 

 

 

Anúncios

Read Full Post »

Com participações de Nereu (trio mocotó), pélico, dudu tsuda, lulina, blubell, flu e cia! gente fina e talentosa da música brasileira. não perca a chance. e visitem o site do projeto.

Read Full Post »

a querida, linda e talentosa nina manda o seguinte recado “quinta-feira vai rolar show no studio sp onde tocarei com minha banda incrível e contarei com a participação especial da minha amiga e gata bárbara eugênia.”

é o primeiro show com banda completa em sp desde o lançamento.não é legal perder.e quem segue a nina no facebook e twitter ainda pode ganhar convite. vamos batalhar?

(os detalhes estão no flyer em anexo)

Read Full Post »

Sociability: Playing a musical instrument encourages a child to reach out towards new friendships and to grasp opportunities for social interaction.

Poise: Music is the perfect balance between education and fun. Lessons help a child develop the ability to cope appropriately in difficult situations.

Coordination: Learning to play a musical instrument develops manual dexterity. The child who plays music often does better in sports because of the good eye/hand/ear coordination that has been developed through music study.

Satisfaction: The knowledge that something has been accomplished, even as small as a music exercise, teaches satisfaction in a job done well.

Perseverance: From the first few notes to a piece well played, a child immediately sees the rewards of sticking with a project and making a firm commitment to oneself.

Patience: Like any new skill, a new piece of music can take time; however, as time unfolds, a child will see the rewards of patience come together.

Self-respect: As a child learns, a noticeable new self-respect will be reflected from this personal pursuit into other areas of endeavors besides music.

Confidence: A child with self-confidence has a better grip on handling life’s many curve balls. Music education instills that confidence and helps a child overcome shyness.

Creativity: Music helps a child explore his or her imagination and encourages creative thinking outside of music. Soon, that child learns to improvise many things in life, such as science, art, and writing projects.

Achievement: Because music is learned step-by-step, it provides a real sense of achievement at many levels while teaching a child to set goals in life.

Self-expression: Music stimulates a child’s instincts for self-expression, and, individually, the child learns to communicate his or her feelings and tastes to others.

Discipline: Through regular practice, music helps a child graduate to a higher level of self-discipline which enables him or her to acquire good habits in all many areas of life.

Concentration: As a child learns, the ability to concentrate is sharpened which helps to improve verbal, written, and math skills. Music also helps to develop the capacity to make commitments.

Pride: Music experience offers a built-in “pat on the back” and helps a child to develop “thumbs up” pride in his or her abilities.

Relaxation: A child who is learning music realizes how enjoyable music is. It becomes a wonderful way to unwind and relax, and it is a gift to be treasured all through life.

Fun: Best of all, a child learns right away that playing a musical instrument is terrific fun. It teaches the joy of participatory activities and offers a welcomed alternative to watching TV. Most children find that music brings smiles to their faces and to also to those faces around them!

Source of Article

Read Full Post »

pelo que vi haviam umas 50 pessoas on line na degustação do IBRAVIN. o livestream do evento no facebook estava animado com ótimos comentários. bebemos um merlot 2005 da lidio carraro. um pouco fechado. gustavo kauffmann foi mais esperto e decantou 2 hs antes. o vinho realmente é bom. está no seu auge. cor densa, aromas terciários aparecendo, além de um mentolado. na boa taninos nervosos e ótima acidez. leve amargor final que não incomoda. muuuuiiiiitopersistente.
depois foi o pizzato brut, um excelente espumante corte de chardonnay e pinot noir feito pelo método tradicional. ótima perlage, cor palha, cremoso e com deliciosa acidez. seu frescor levantou debate sobre sua versatilidade. o veredito foi: de ostras até chocolate amargo! realmente muito bom. deve custar em torno de R$42. mas vale mais do que espumantes estrangeiras que custam o dobro. será atraçnao de qualquer festa. provei os dois vinhos em duas tacas diferentes. o merlot na iso e na riedel. melhorou muito na riedel. e o espumante na iso e na tulipa. tb foi bem na tulipa. falando em tulipa, esta querida cantora da ybmusic, já já estou no tom jazz assistindo o show de nina becker, outra super querida.

Read Full Post »

sexta e sábado. friozinho. chance de ouvir o repertório intimista de nina becker, prêmio APCA de melhor cantora em 2009. estarei lá. e aproveitarei pra checar a carta de vinhos local.

Read Full Post »


Transformar a hora do rush de sexta feira num momento de diversão e cultura. Com este objetivo, a Cinemagia e a gravadora ybmusic realizam um festival musical gratuito na estação Paraíso do Metrô. A idéia é que este festival se repita duas vezes por mês, sempre às sextas-feiras, no espaço cultural do projeto Encontros. Com as apresentações musicais, as pessoas evitam os trens na hora de pico, adiam a volta para casa e podem encerrar a semana com um festival musical da melhor qualidade – serão 3 horas de música gratuita.

18h – Roger W. Lima
19h – Bruno Batista
20h – Saulo Duarte e A Unidade

Metrô Paraíso (Rua Vergueiro, 1465 – Paraíso)

18h às 21h | R$ 2,90 (passagem)

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: